Novo Guia alimentar para a população brasileira

Em outubro de 2014 foi lançado o Novo Guia Alimentar para a População Brasileira

Link: http://portalsaude.saude.gov.br/images/pdf/2014/novembro/05/Guia-Alimentar-para-a-pop-brasiliera-Miolo-PDF-Internet.pdf)

Um guia alimentar é um direcionamento para melhorar a qualidade de alimentação e melhorar a saúde das pessoas. Esse novo guia vem substituir a versão anterior, de 2006, e traz mudanças muito significativas.

alimentacao-balanceada

Como princípio, o guia traz um olhar mais abrangente da alimentação com recomendações sobre nutrientes, alimentos e preparações culinárias, sem esquecer das dimensões culturais e sociais das práticas alimentares.

Nos últimos anos a nutrição se especializou muito e isso é bom, mas comer não pode nunca deixar de ser comer, não é mesmo?

O entendimento da nutrição, além do papel do nutriente, mas contextualizando com hábito, prazer e sustentabilidade, faz com que nossas escolhas alimentares tenham mais sentido e sejam perpetuadas de uma forma muito positiva.

A maior discussão acerca dessa publicação está na divisão dos alimentos entre naturais e/ou minimamente processados, alimentos processados e alimentos ultraprocessados.

ALIMENTOS IN NATURA: são obtidos diretamente de plantas ou de animais
e não sofrem qualquer alteração após deixar a natureza.

ALIMENTOS MINIMAMENTE PROCESSADOS: correspondem a alimentos in natura que foram submetidos a processos de limpeza, remoção de partes, moagem, secagem, fermentação, pasteurização, refrigeração, congelamento e processos similares que não envolvam agregação de sal, açúcar, óleos, gorduras ou outras substâncias ao alimento original.

ALIMENTOS PROCESSADOS: são fabricados pela indústria com a adição de sal ou açúcar ou outra substância de uso culinário a alimentos in natura para torná- los duráveis e mais agradáveis ao paladar. são produtos derivados diretamente de alimentos e são reconhecidos como versões dos alimentos originais.

ALIMENTOS ULTRAPROCESSADOS: são formulações industriais feitas de substâncias extraídas de alimentos (óleos, gorduras, açúcar, amido, proteínas), derivadas de constituintes de alimentos (gorduras hidrogenadas, amido modificado) ou sintetizadas em laboratório com base em matérias orgânicas (corantes, aromatizantes, realçadores de sabor e vários tipos de aditivos usados para dotar os produtos de propriedades sensoriais atraentes). São exemplos desses alimentos ultraprocessados biscoitos, balas, sorvetes, macarrão instantâneo, temperos prontos, refrigerantes, sucos de pozinho e embutidos. Os alimentos ultraprocessados são nutricionalmente desbalanceados e, por conta de sua formulação e apresentação, tendem a ser consumidos em excesso e a substituir alimentos in natura ou minimamente processados.

O guia direciona os 10 passos para alimentação saudável:

  1. Fazer do alimento in natura ou minimamente processado a base da alimentação
  2. Utilizar óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades ao temperar e cozinhar alimentos e criar preparações culinárias.
  3. Limitar o consumo de alimentos processados
  4. Evitar o consumo de alimentos ultraprocessados
  5. Comer com regularidade e atenção, em ambientes apropriados e, sempre
  6. Fazer compras em locais que ofertem variedades de alimentos in natura ou minimamente processados
  7. Desenvolver, exercitar e partilhar habilidades culinárias.
  8. Planejar o uso do tempo para dar à alimentação o espaço que ela merece.
  9. Dar preferência, quando fora de casa, a locais que servem refeições feitas na hora.
  10. Ser crítico quanto às informações, orientações e mensagens sobre alimentação veiculadas em propagandas comerciais.

Matéria por Mariana Del Bosco
Nutricionista Formada pelo Centro Universitário São Camilo
Especialista em Fisiologia do Exercício pela UNIFESP
Mestre em Ciências pela disciplina de Endocrinologia da Faculdade de Medicina da USP
Membro da ABESO (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade)
Experiência em obesidade, nutrição infantil e nutrição durante gestação.


Visite-nos: Rua Dep. João Sussumu Hirata, 180 – Panamby (Morumbi) – São Paulo


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>