Prevenção! A melhor forma de longevidade!

Mulheres que tantas doenças ginecológicas que nos acometem, que há alguns anos atrás nem se falavam tanto a respeito. O maior susto começou com o aumento da incidência do câncer de mama que nos assustou muito. Mulheres de várias idades foram pegas de surpresa pelo grande aumento da doença nas últimas décadas, mas que agora estão super afiadas no assunto, ainda mais depois do caso da atriz de Hollywood Angelina Jolie, que retirou as duas mamas para evitar um provável câncer de mama hereditário. Atualmente os cuidados com as mamas triplicaram, e as mulheres aprenderam a ver este órgão, também como um possível vilão.

Angelina Jolie fez sua primeira aparição pública depois ter realizado uma dupla mastectomia - Foto: CARL COURT/AFP / AFP

Angelina Jolie fez sua primeira aparição pública depois ter realizado uma dupla mastectomia – Foto: CARL COURT/AFP / AFP

Depois veio a endometriose, que esta sendo cada vez mais estudada no mundo todo e o Brasil é uma referência mundial neste assunto, pois infelizmente temos um dos maiores índices desta doença no mundo. Ela ainda assombra uma boa parte da população, em torno de 10% das mulheres, causando dores e cólicas, atrapalhando relacionamentos sexuais, por causar dor no ato sexual e podendo também levar a infertilidade. O difícil desta doença, é que ainda nem todos os profissionais estão devidamente treinados para fazer o diagnóstico, e este às vezes acaba sendo muito tardio. Mas a boa notícia é que na grande maioria o tratamento é eficaz, os sintomas são melhorados e as chances de gravidez aumentadas.

Atualmente temos o HPV (Papiloma vírus humano) com o grande vilão da atualidade, pois acomete principalmente a população jovem, que por ser mais sadia, acaba indo menos aos médicos. Mas apesar destes vírus serem os causadores do câncer de colo uterino, da vagina e da vulva (parte externa da nossa genitália feminina), de todos os cânceres, este é um dos mais previsíveis e tratáveis. No homem ele pode causar o câncer de pênis e testículos. Portanto, as mulheres que fazem exames periódicos podem ter lesões nestes órgão causadas por eles, mas o câncer… não. Só desenvolve este câncer quem fica mais de um ano sem ir ao seu médico e sem fazer exame de Papanicolau (preventivo deste tipo de câncer) e de Captura híbrida (exame que detecta o vírus). Importante ressaltar, que 99% destes cânceres estão totalmente relacionados ao HPV, ou seja, quem não tem o vírus, não terá este câncer, por isso a importância da detecção destes vírus. Atualmente existem também as vacinas para a prevenção do HPV, que devem ser dadas de preferência antes do início da adolescência, tanto em meninas como meninos.

02-SAUDE (1)

Por isso, a palavra chave da longevidade é a prevenção. E a velha e sábia frase: “Melhor prevenir do que remediar” esta super atual. Mas infelizmente eu ainda ouço de algumas pessoas, a péssima frase: “Quem procura, acha”. O que eu quero com este artigo é deixar bem transparente a todos (as) que uma boa consulta médica com um bom exame físico detalhado do seu médico, associados a exames complementares reduzem drasticamente as chances de diagnósticos tardios, pois a maior parte das doenças quando diagnosticadas no início tem até 90% de chance de cura. Cuidem-se, pois estamos vivendo cada vez mais, e o importante sem dúvida, é que esta vida seja de saúde e qualidade.

 

Escrito por: Dra. Daniela Alves da Cruz Gouveia – CRMSP 91178

  • Mestre em Ginecologia pela Santa Casa de São Paulo
  • Especialista em Endometriose e HPV
  • Diretora Técnica da Clínica Vivid
  • Envie sua dúvida:  daniela.gouveia@vivid.med.br
  • Ligue e marque sua consulta: (11) 3502-620

 

 

 

 

CONHEÇA A VIVID:
A VIVID é um Clínica de Alto Padrão no bairro do Morumbi (Panamby) que une o melhor de uma clínica médica, clínica estética e clínica esportiva oferecendo os melhores médicos para cuidar da sua saúde e vaidade com tratamentos estéticos.
Ligue-nos: (11) 3502-6200
Visite-nos: Rua Deputado João Sussumu Hirata, 180 – Panamby (Morumbi) – São Paulo
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>