Arquivo da tag: clínica ginecologia

Tratamento natural para infecção urinária vale desde a prevenção

Dor ao urinar, sentir uma urgência louca para ir ao banheiro várias vezes ao dia e, na hora H, sair só um pouquinho de xixi; em casos mais graves, perceber sangue na urina. A infecção urinária é uma doença de sintomas doloridos e chatos que acomete o sistema urinário e deve ser levada a sério.

tratamento-de-infecc3a7c3b5es-urinc3a1rias-staras

O que causa a infecção urinária é o alojamento de uma bactéria, normalmente a E.coli, na bexiga, na uretra ou nos rins. “Quando ela está na parte baixa do sistema urinário, que são a uretra e a bexiga, é uma uretrite ou uma cistite. Já quando essa bactéria sobe para os rins, o caso fica mais grave e é chamado de pielonefrite”, explica Rodrigo de Aquino Castro, presidente da comissão de uroginecologia e cirurgia vaginal da Febrasgo (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia).

E sabe o que mais? Nós, mulheres, somos mais propensas a ter infecção urinária do que os homens. É o que conta a ginecologista e obstetra Daniela Gouveia: “As mulheres são as mais acometidas, por terem uma uretra mais curta, de cerca de 5 cm, enquanto a dos homens pode chegar a 22 cm. 80% delas têm infecção urinária pelo menos uma vez na vida, e cerca de 30% têm episódios recorrentes”.

Este último caso é a famosa infecção urinária de repetição, que ocorre duas vezes a cada seis meses ou três vezes ao ano. Por isso, prevenir é preciso.

Como prevenir a infecção urinária

Hábitos cotidianos e a adoção de tratamentos naturais são muito eficazes na prevenção da infecção urinária.

Em primeiro lugar, os especialistas recomendam que você sempre urine depois das relações sexuais (pois a uretra fica mais sensível e mais exposta à bactéria, e a passagem da urina “limpa” o caminho), nunca segure o xixi quando estiver apertada (a urina cria um ambiente propício para a bactéria, então quanto menos tempo ficar estocada na bexiga, melhor) e evite usar espermicidas (que alteram a flora vaginal e deixam a região mais sujeita à ação de bactérias). Também é importante beber cerca de 2 litros de água por dia, para manter o sistema urinário em ação constante.

Fresh cranberries

Fresh cranberries

Os tratamentos naturais complementam esses cuidados. “A cranberry é uma arma muito forte na prevenção da infecção urinária, com sua ação já comprovada cientificamente. Ela impede a adesão da bactéria no sistema urinário”, afirma Rodrigo. A fruta pode ser consumida ao natural, em suco ou em mini cápsulas, que são super comuns nos EUA, Canadá e Europa e agora chegaram ao Brasil. Cada comprimidinho é feito de cranberries moídas e desidratadas e tem uma alta concentração das substâncias que atuam contra as infecções urinárias. Mais fácil, impossível.

Seu uso é bem-vindo, segundo Daniela, porque o tratamento das infecções urinárias tem ficado mais difícil. “A crescente prevalência destas infecções é causada por bactérias resistentes pelo uso excessivo de antibióticos”, diz. “As propriedades da cranberry auxiliam o próprio organismo a combater as infecções mais leves e são coadjuvantes nas mais graves.”

Outro elemento natural muito usado na prevenção da infecção urinária é o probiótico, presente no kefir, no leite e no iogurte, por exemplo. A ideia é que, por melhorar a flora intestinal e diminuir as colônias de bactérias da região, ele dificulte a infecção no trato urinário. “Mas este ainda é um método um pouco duvidoso, sem estudos científicos conclusivos sobre a real ligação entre uma coisa e outra”, alerta Rodrigo.

Infecção urinária aguda precisa de antibióticos

Como nem sempre é possível prevenir, é legal ter em mente que é preciso procurar ajuda médica quando os sintomas da infecção urinária se manifestarem, para tratar a doença e evitar que ela se agrave.

Daniela destaca que “em infecções urinárias mais leves, a cranberry pode ser usada associada à grande ingestão de líquidos”. Mas, em casos agudos e graves, um especialista precisará prescrever antibióticos para combater a doença.

Cuide-se continuamente, não ignore os sintomas da infecção urinária e não abra mão de consultar um médico, combinado?

Matéria M DE MULHER: https://mdemulher.abril.com.br/saude/tratamento-natural-para-infeccao-urinaria-prevencao/#